Quem será o novo Ministro da Cultura?

Postado em 4 de novembro de 2010 por Cooperativa Cultural Brasileira

Por Giorgio Rocha

A presidente eleita Dilma Rousseff começou a definir os nomes que irão compor a sua equipe de governo e, para ocupar o Ministério da Cultura (MinC), que em 2010 recebeu pouco mais de 1% do orçamento da União, a presidente já dispõe de uma lista de candidatos.

Basta saber como será pautada a escolha de Dilma: será um nome de peso, como Gilberto Gil – o Lula do Lula, como afirmou Caetano Veloso – ou alguém de perfil mais técnico, como o atual Ministro Juca Ferreira? Já que nunca sabemos quais são os critérios usados pelos nossos governantes, exceto critérios nada republicanos, surgem nomes para todos os gostos (abaixo uma lista com os nomes dos candidatos). A permanência de Juca Ferreira não foi descartada, mas as suas chances parecem remotas.

Seja quem for o escolhido, que ele ou ela trabalhe para elevar a cultura ao seu devido patamar. A cultura precisa urgente de medidas concretas, para que não se fique, apenas, no campo da retórica.

Postulantes ao cargo de ministro da Cultura do governo Dilma Rousseff:

Emir Sader e Marilena Chauí - intelectuais ligados ao PT

José de Abreu - ator

Celso Amorim - Ministro das Relações Exteriores

Fernando Morais - escritor

Wagner Tiso – músico

Marcos Vilaça - presidente da Academia Brasileira de Letras

Ideli Salvatti - senadora (PT-SC)

Angelo Vanhoni - deputado (PT-PR)

Jandira Feghali - deputada (PCdoB-RJ)

3 Responses to "Quem será o novo Ministro da Cultura?":

José Eduardo Pinheiro de Abreu says:

A cultura no país e basicamente cinema e arte, o patrimonio e deixado de lado, isto é não há nenhum incenivo para que possa preservar melhor o nosso patrimonio. Não existe nas escolas, uma materia sobre o assunto patrimonio.
acho eu que fundamentalmente e a base de se preservar alguma coisa neste país e mais educar e preservar. Um exemplo de impunidade. O Museu da republica foi totalmente restaurado, tres meses depois pixado. Educar começa nas escolas.

Anônimo says:

QUem não é o fundamental, mas qual será a política cultural do governo Dilma?
Quem ela nomear deverá saber conduzir a política estabelecida.
Nós "fazedores da cultura" devemos EXIGIR tais definições, e, chega de falr em política (que não seja cultural), a eleição acabou e não importa qual partido venceu. A Dilma é presidenta de todos nós (não foi minha opção), precisamos fazer nossa parte.

Áureo Lopes says:

Essa lista está capenga, um dos nomes mais fortes não faz parte da lista, Angelo Osvaldo, prefeito de Ouro Preto, ex secretário estadual de cultura e amigo pessoal de Dilma.